Animados pelo Ano da Misericórdia? Então preparem-se, pois a RCC (Renovação Carismática Católica) em parceria com a Paróquia São Francisco Xavier realizarão mais uma vez a Festa da Misericórdia. Este ano o tema principal do evento será o ‘Jubileu Extraordinário da Misericórdia’, instituído pelo Papa Francisco com o objetivo de promover atos concretos de misericórdia pelo mundo.

O Evento acontecerá no dia 03 de Abril na EEFM Profª Adélia Brasil Feijó, conhecido como “colégio 3”. No evento haverá pregação, adoração a Cristo Eucarístico, louvor e a Santa Missa.

Jubileu Extraordinário da Misericórdia

O jubileu tem um significado todo especial no sentido de indicar a esperança de realização do tempo messiânico. No Antigo Testamento ele é denominado como “Tempo da Graça”. O jubileu proclamado pela bula do Papa Francisco, publicada em 11.04.2015, iniciou-se em 08 de dezembro de 2015 e terá seu término em 20 de novembro de 2016.

O tema da Misericórdia tem raízes profundas na Igreja e o papa Francisco, um homem marcado pela misericórdia, soube captá-las e inserir nestas raízes a proposta do Ano Santo. Há um fio transversal que perpassa todo o conteúdo da bula; primeiramente a própria história da salvação, toda ela pode ser lida na perspectiva da misericórdia. A criação é fruto da misericórdia: “Deus que por pura bondade, comunica a vida e a coloca onde não há”. A compreensão divina se faz sentir com a humanidade pecadora, à qual Deus faz a promessa de redenção e não de condenação. Enfim, toda a Palavra de Deus tem um pano de fundo que é a misericórdia.

Devemos considerar também a intuição do papa São João XXIII que, ao abrir o concílio Vaticano II propõe uma Igreja que prefere usar a medicina da misericórdia. O papa Francisco menciona também o magistério do papa São João Paulo II, o qual, com a encíclica Dives in misericórdia (Misericórdia Divina) ensina que a missão da Igreja é proclamar a misericórdia celestial, que abrange toda a humanidade. Por sinal ele canonizou Santa Faustina, santa da misericórdia, como a primeira santa do novo milênio no início do jubileu do ano 2000.

Fonte: Diocese de Amparo (com adaptações).

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>