Desde crianças conhecemos uma das orações mais rezadas por todos os católicos, a Ave Maria, mas será que sabemos de onde essa oração surgiu?

Maria é uma das personalidades mais importantes da bíblia, foi uma das poucas que esteve com Jesus durante toda a sua jornada, e com tudo isso, também uma das mais misteriosas, são poucos aqueles que escreveram sobre ela, alguns se restringiram aos momentos em que ela esteve com Jesus, como por exemplo, o evangelista João (2:3-5), que descreve a Bodas em Caná, onde Maria teve um papel fundamental no milagre de Cristo, “Façam o que Ele mandar”.

Já Lucas, relata um pouco mais sobre Maria, como a anunciação do anjo, “Alegre-se, cheia de graça! O Senhor está com você!” E é exatamente aqui onde queríamos chegar. A primeira parte da oração Ave Maria foi retirada da bíblia em dois momentos, o primeiro foi o que descrevemos a pouco, a anunciação do anjo Gabriel a Maria, a segunda vem pouco depois, quando Maria vai a vista da sua prima Isabel, que ao chegar é recebida com a saudação “ Você é bendita entre as mulheres, e é bendito o fruto do seu ventre!” ( Lucas 1: 42)

A segunda parte tem origem eclesial e com um tempo foi surgindo como a conhecemos hoje   “ Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós pecadores agora e na hora de nossa morte. Amem “

Vale ressaltar que essas duas partes se dividem em: uma de louvor e outra de súplica.

 

Fontes bibliográficas: http://www.a12.com/academia/artigos/como-surgiu-a-oracao-da-ave-maria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes:

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>